Precursor do rock argentino morre aos 64 anos

Fonte: Reuters

Em 4 de janeiro, segunda-feira, morre o cantor argentino Roberto Sánchez, o Sandro, aos 64 anos. O artista deixa uma obra de mais de quatro décadas em que tocou rock e baladas, sendo comparado a Elvis Presley.

Em novembro de 2009, Sandro não se recuperou de um transplante de coração e pulmão. Os médicos do Hospital Italiano da província de Mendoza disseram que o cantor sofreu uma infecção generalizada, agravada pelo enfisema pulmonar provocada pelo tabagismo. O médico Claudio Burgos afirma que “O senhor Roberto Sánchez deixou de existir devido a um quadro de choque séptico que se complicou”. Ao ouvir a notícia, um grupo de fãs na porta do hospital começou a chorar, e dezenas de pessoas foram para frente da casa do cantor, em Buenos Aires.

Sony Music

Sandro gravou mais de 40 albúns entre rock e baladas românticas.

Sandro fazia shows vestindo batas vermelhas e entoava canções segurando uma taça de champanhe, para delírio da plateia, majoritariamente feminina. “Las nenas” (“as meninas”), como gostava de chamá-las, se encarregaram de manter tradições surgidas no calor da década de 1960, e mais de 40 anos depois ainda atiravam roupas íntimas no palco.

Ganhador de um Grammy, Sandro gravou mais de 40 álbuns desde seu início como um dos pioneiros do rock latino-americano e logo após se dedicou a baladas românticas. Conforme a imprensa local, Sandro será velado no Congresso Nacional ou no ginásio Luna Park, cenário de históricos shows na capital argentina.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Música

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s